terça-feira, 18 de agosto de 2015

Carlos SG é campeão Paranaense Light de Kart

O título foi conquistado sábado último – 15/08 - no kartódromo Luigi Borghesi de Londrina, pela categoria Sênior A, em duas baterias de tirar o fôlego.


O kartódromo Luigi Borghesi recebeu neste último sábado, 15 de agosto de 2015, o Campeonato Paranaense de Light de Kart. A competição aconteceu juntamente com o GP Londrina de Kart, e trouxe pilotos de todo o estado para competirem entre si, divididos em cinco categorias.

Carlos SG sagrou-se Campeâo Paranaense Light de Kart, depois de duas baterias pra lá de disputadas. Com dificuldades em encontrar o melhor acerto de seu kart, SG teve que brigar muito na pista para compensar seu baixo rendimento no treino classificatório: “Fui muito mal durante o treino classificatório, meu kart não tinha torque, parecia ser muito mais longo do que costuma ser, e consegui apenas a 5ª posição do grid para a primeira prova”, relembra SG.

Como o evento foi todo concentrado para ser realizado no sábado, correria para tentar alguns ajustes antes da prova, que acabam surtindo efeito. “Fiz uma boa largada e já nas primeiras voltas consegui aproximar dos ponteiros, andei tomando umas pancadas de outros competidores, mas me mantive focado, bastante concentrado para me manter com um bom ritmo, estávamos no meio da prova, e já nas voltas finais eu estava lutando pela segunda posição, consegui me aproximar bem e fiquei apenas esperando o melhor momento para tentar a ultrapassagem, que aconteceu na penúltima volta”, relembra SG. A manobra, executada com maestria, aconteceu na frenagem da curva que antecede a reta principal: “Consegui me posicionar pela linha de dentro do traçado, deixei o kart bem próximo a zebra para não interferir na trajetória do meu oponente, mas ainda assim ele trouxe o kart para a linha de dentro e acabamos batendo, ele seguiu na prova e eu fiquei, consegui dar partida novamente no kart e retomar na prova, mas perdi muitas posições e só consegui cruzar a linha na oitava posição geral, um resultado que não traduz nem de longe o desempenho que obtivemos”, lamenta SG.

Para a segunda prova, a conversa foi diferente, mesmo partindo da oitava colocação do grid. “Consegui novamente uma excelente largada, e na primeira volta já alcancei os líderes, fui negociando posições e melhorando a cada volta, e já pelo meio da prova os dois primeiros colocados haviam se distanciado, eu fui diminuindo essa distância a cada volta, e não demorou para eu assumir a segunda posição na prova, parti pra cima em busca do ponteiro, cada volta como se fosse a volta de classificação, freando lá no “Deus me livre”, brinca SG. O esforço valeu a pena, já que há menos de duas voltas para o final SG consegue colar no ponteiro, para logo superá-lo. “Na minha cabeça eu pensava que se eu havia conseguido chegar até ali, não poderia nunca desistir de lutar pela vitória, eu estava muito precisando disso, extravasar um pouco e sentir o bom sabor de vencer, por mim, pela minha equipe, o esforço e a dedicação de todos, o empenho, então posso dizer que foi uma vitória de todos nós, ressalta um aliviado SG, que cruzou a linha na primeira colocação da prova. Na soma das baterias, Carlos SG sagrou-se Campeão Paranaense Light de Kart – categoria Sênior A - e terceiro colocado geral do GP Londrina de Kart, competição que SG se mantém na liderança, com uma vantagem confortável para o segundo colocado.

Na soma das baterias, Carlos SG sagrou-se Campeão Paranaense Light de Kart – categoria Sênior A - e terceiro colocado geral do GP Londrina de Kart, competição que SG se mantém na liderança, com uma vantagem confortável para o segundo colocado. Juninho Oliveira #17, também piloto da BRT também fez bonito. “Tive uma primeira bateria bastante complicada, me enrosquei logo na largada e não consegui me recuperar, foi uma prova difícil, muito disputada. Acabei cruzando a linha na sexta colocação, o que me garantiu na pole da segunda prova, com grid invertido, e de cara pro vento as coisas foram mais fáceis, liderei a prova até duas voltas para o final, quando fui superado pelo SG. A hora que olhei para trás e vi aquele capacete laranjado eu pensei “vai ser complicado segurar”, mas fiquei bastante satisfeito com o meu desempenho e ficou tudo em casa”, brinca Juninho, que completou a prova na segunda colocação. Na soma das baterias, Carlos SG sagrou-se Campeão Paranaense Light de Kart – categoria Sênior A - e terceiro colocado geral do GP Londrina de Kart, competição em que SG se mantém na liderança, com uma vantage confortável para o segundo colocado.

Estreia adiada, mais uma vez!  O jovem Eros Neto teve mais uma vez sua estréia adiada. “Na véspera da competição, o Eros teve uma virose, muita febre e mal estar para ele, então achamos por bem poupá-lo, não temos essa necessidade, é preciso que ele esteja bem fisicamente para dar o seu melhor, e no sábado ele fez questão de acompanhar as provas, esteve com a gente torcendo e vibrando muito, essa interação com a equipe é o mais importante neste momento, participar, estar atendo a comunicação piloto e preparador, e isso aconteceu”, relembra SG.  Abaixo, os dez primeiros de cada bateria deste sábado em Londrina:

 Após 20 voltas – 1a Bateria:

1 - #9     – Julio Conte – PSKA
2 - #177 – Everton Trevisan – PK
3 - #111 – Aldo Inoue – PSKB
4 - #970 – Edivan Monteiro – PSKB SS
5 - #310 – Gabriel Marçal – PJK
6 - #17  – Junior Oliveira – PSKA SS
7 - #93  – Gustavo H. Garcia – PSKB
8 - #4    – Carlos SG – PSKA
9 - #230 – Lucas Garcia Cid - PSKB
10- #26  – Guilherme Baldin – PGK

Após 20 voltas – 2a Bateria:
1 - #4    - Carlos SG – PSKA
2 - #17 – Junior Oliveira – PSKA SS
3 - #9   – Julio Conte – PSKA
4 - #177 – Everton Trevisan – PK
5 - #111 – Aldo Inoue – PSKB
6 - #970 – Edivan Monteiro – PSKB SS
7 - #310 – Gabriel Marçal – PJK
8 - #26   – Guilherme Baldin – PGK
9 - #10   – Estéfano Pauluki – PK
10 - #19 – Marcos Santos - PSKB

A BRT Kart tem o patrocínio de SG Alumínios / Paranatex Têxtil / Patribem / Grupo SG.

Texto: ABS Sports
Foto: Arquivo pessoal

Nenhum comentário:

Postar um comentário