segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Seletiva de Kart Petrobras: Começa amanhã a disputa pela maior premiação do kartismo nacional

Com o traçado definido, karts prontos e pilotos preparados, a final da 16ª edição da Seletiva de Kart Petrobras promete grandes emoções em Guaratinguetá.



Nesta terça-feira, 28 de outubro, estarão na pista do kartódromo de Guaratinguetá, no interior de São Paulo, os 12 finalistas da Seletiva de Kart Petrobras de 2014. Selecionados ao longo do ano, nos principais campeonatos de kart nacionais e regionais, os pilotos iniciam a briga pelo título do evento, que distribui a maior premiação do kartismo nacional. Patrocinada pela Petrobras e Petrobras distribuidora, a Seletiva de Kart Petrobras chega a sua 16ª edição com um grid cheio de talentos que prometem uma disputa acirrada pela premiação principal.

Nesta segunda (27), foi definido pela organização o traçado que os pilotos enfrentarão nos próximos dois dias. "O traçado está próximo do que é utilizado normalmente em Guaratinguetá, com exceção de duas curvas. Pensamos em diferentes tipos, mas nem todos traziam um desafio técnico, então, para não prejudicar nenhum dos pilotos, o traçado será parecido com o que já estão acostumados", explica Binho Carcasci, promotor e organizador do evento.

Os karts (que são iguais para todos os competidores) também foram testados na pista do kartódromo de Guaratinguetá, para serem ajustados e equalizados de forma a oferecer uma corrida bastante justa aos pilotos. "Os karts foram testados pelo Paulo Carcasci, heptacampeão brasileiro de kart, e estabelecemos uma boa qualidade para uma disputa justa. Chegamos a um parâmetro que irá servir para os pilotos iniciarem seus trabalhos", comenta Binho.

Os pilotos também já estão preparados para umas das provas mais difíceis no ano e demostram confiança para a conquista do lugar mais alto no pódio. Os jovens que estarão nesta briga vêm de várias partes do Brasil: os paulistas Vinicius Papareli, Vitor Baptista, Mauro Auricchio, Pietro Rimbano, Matheus Iorio e Yurik Carvalho, os gaúchos Victor Matzenbacker, Matheus Leist e Bruno Bertoncello, os cariocas Zaiya Fontana e Renato Júnior e o goiano Joaquim Junqueira.

"Espero que a corrida seja muito boa, que tudo dê certo. São os 12 melhores do Brasil, vai ser uma Seletiva bastante acirrada pelo nível dos concorrentes. Os pontos com certeza estarão parelhos e a decisão será só na bateria final. Na última semana, fiz uma preparação psicológica, junto a parte física e acredito que estou em condições de ganhar", afirma o confiante gaúcho Bruno Bertoncello, que conquistou sua vaga na quarta etapa classificatória em Itumbiara, Goiás.

O terceiro colocado na Seletiva de Kart Petrobras em 2013, Pietro Rimbano, estará pela segunda vez consecutiva no evento e se mostra preparado para os próximos dois dias. "Estou bastante confiante, minha estreia ano passado foi boa e com a experiência eu pretendo crescer. Fui conhecer a pista de Guaratinguetá, fiz um treino e é uma pista muito técnica, mas vai dar tudo certo", comenta o piloto de 16 anos.

A Seletiva de Kart Petrobras premia o campeão com 60 mil reais e dá aos quatro primeiros a participação no programa de orientação de pilotos - com teste em uma equipe de Fórmula na Europa, simulador de F-1, participação no Mitsubishi Driving Experience com Ingo Hoffman, preparação física e mental com Nuno Cobra Jr. Os estreantes ainda disputarão o Troféu Lubrax, que premia o melhor classificado com uma quantia de 5 mil reais.

Nesta terça, os pilotos disputam três tomadas classificatórias e a decisão fica para as corridas na quarta (29). A disputa da Seletiva de Kart Petrobras é uma das mais equilibrada e justa, a qual permite que o talento do piloto seja posto à prova. Os karts para a corrida são montados e fornecidos pela organização com os mesmos motores, chassis Bravar, jogo de pneus para ser usado durante toda final e combustível. Apenas mecânicos da organização podem fazer os ajustes de adaptação às características dos pilotos.

Na primeira e terceira tomada de tempos, são formados seis grupos de dois pilotos cada. Todos os grupos utilizarão os mesmos karts, sendo permitidas apenas as mudanças necessárias para adaptação de cada piloto. A primeira sessão será de cinco minutos. Todas as voltas serão cronometradas e para efeito de pontuação será considerado o melhor tempo de cada piloto.

A segunda tomada será realizada em uma única volta cronometrada, podendo o piloto percorrer mais duas voltas, a primeira para aquecimento e a última para desaceleração. O tempo na volta cronometrada valerá para a pontuação.

Os pilotos terão as duas baterias eliminatórias e as duas baterias finais, também com pontuações e regras bem definidas. O campeão da Seletiva de Kart Petrobras será o piloto que ao final das três sessões de tomadas de tempo, das provas eliminatórias e das baterias finais houver obtido o maior número de pontos.

Confira a programação para a 16ª edição da Seletiva de Kart Petrobras

Terça-feira (28/10/2014)
8:30h - Apresentação dos pilotos no kartódromo
9:00h - Pesagem dos pilotos
9:30h - Briefing e foto oficial
9:45h - Warm Up
10:15h - Início da 1ª. Tomada de tempo
13:00h - Início da 2ª. Tomada de tempo
15:00h - Início da 3ª. Tomada de tempo

Quarta-feira (29/10/2014)
8:30h - Apresentação dos pilotos no kartódromo
8:45h - Briefing
9:00h - Warm Up
10:00h - Início das corridas
12:30h - Prova para jornalistas
13:30h - Reinício das corridas
17:00h - Pódio


Texto: FG Com
Foto: Fabio Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário