sábado, 23 de novembro de 2013

Porsche Challenge: Giaffone faz o melhor tempo, mas Schneider sai na pole em Interlagos

Ultrapassagem sob bandeira vermelha faz Giaffone perder o tempo de sua melhor volta e, junto, sua primeira pole position. Líder do campeonato, Schneider sai na frente na preliminar do GP do Brasil.



Uma ultrapassagem feita sob bandeira vermelha inverteu a primeira fila do grid de largada para a prova da Porsche Challenge preliminar do GP do Brasil de F1. Franco Giaffone fez a melhor volta em 1:59.753, mas a marca perdeu validade por decisão dos comissários desportivos. Com isso, o líder do campeonato e "rei de Interlagos" Daniel Schneider herdou a posição de honra no grid. Realizada sob chuva, a sessão classificatória aconteceu na tarde deste sábado, após as tomadas de tempo da F1 e da Porsche Cup.

Ao ser informado da punição, Giaffone se dirigiu aos comissários desportivos e ao diretor de prova, Sérgio Berti, para dar sua versão e tentar reverter a decisão, argumentando ter diminuído a velocidade tão logo viu a bandeira vermelha. A pedido do piloto, os comissários analisaram as imagens das câmeras on board dos carros de Giaffone e Otávio Mesquita, um dos pilotos que estavam à sua frente na pista. A punição foi mantida e Giaffone perdeu aquela que seria sua primeira pole position. O tempo de sua segunda melhor volta, entretanto, foi suficiente para assegurar um lugar na primeira fila. "Acho que sou um dos poucos pilotos que gostam de correr com chuva e pista molhada. Aqui em São Paulo, eu estava devendo um desempenho à altura. Quem me ajudou muito foi o Carlos Ambrósio. Ele me emprestou o mapa de telemetria e pude ver o traçado e os pontos de frenagem que ele vinha fazendo. É claro que, de agora em diante, o Carlinhos terá acesso livre aos meus, sempre que quiser", dizia Giaffone antes de saber da punição. Ambrósio, o mais rápido no treino livre de sexta-feira, largará em terceiro lugar, dividindo a segunda fila com Fábio Alves.

Na Light, Rodolfo Toni confirmou o bom desempenho do treino livre e sai na frente entre os pilotos inscritos em sua classe. Ele fez o 11º tempo na classificação geral, mas como de praxe o pelotão da Light largará atrás dos pilotos que competem somente na Challenge. "Tive muito azar no começo do ano, mas de repente as coisas começaram a dar certo", comemorou o piloto, que conseguiu sua primeira vitória na etapa anterior, em Mogi Guaçu. Guto Oni sai a seu lado, com Rodrigo Souza e Rodrigo Mello dividindo a segunda fila da Light.

A programação deste domingo em Interlagos começará às 9:15 com a Porsche Challenge, com a corrida da Porsche Cup acontecendo a partir das 10:15. Às 14:00, será dada a largada do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1.

Grid de largada da Porsche Challenge e Light
1) 77-Daniel Schneider, 1:59.858, média de 129,423 km/h
2) 3-Franco Giaffone, 1:59.921 (perdeu a melhor volta por ultrapassagem sob bandeira vermelha)
3) 18-Carlos Ambrósio, 1:59.946
4) 63-Fábio Alves, 1:59.979
5) 88-Eduardo Azevedo, 1:59.986
6) 13-Du Rocha, 2:00.384
7) 8-Rodolfo Ometto, 2:00.385
8) 51-Otávio Mesquita, 2:00.804
9) 81-Gilberto Farah, 2:01.169
10) 16-Ludovico Pezzangora, 2:01.526
11) 17-Marcelo Stallone, 2:03.017
12) 10-Carlos Silveira, 2:02.843
13) 31-Marcello Sant’Anna, 2:05.413
14) 53-Rodolfo Toni (L), 2:02.932
15) 93-Guto Oni (L), 2:03.902
16) 35-Rodrigo Souza (L), 2:04.549
17) 29-Rodrigo Mello (L), 2:04.864
18) 19-Tom Filho (L), 2:05.155
19) 39-Gonzalo Patoqui (L), 2:05.219
20) 90-Peter Ficker (L), 2:07.517
21) 55-Xarlis Mud (L), 2:08.402
22) 58-Jorge Gomez (L), 2:11.055
23) 67-Alejandro Pimentel (L), 2:12.676
(L) piloto inscrito na classe Light
Todos com Porsche 911 GT3 Cup 3.6 equipados com pneus Yokohama

A programação deste domingo em Interlagos começará às 9:15 com a Porsche Challenge, com a corrida da Porsche Cup acontecendo a partir das 10:15. Às 14:00, será dada a largada do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1.

Texto: Letra Nova Comunicação
Foto: Chris Fabbri

Nenhum comentário:

Postar um comentário