sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Motores roncam forte em Curitiba na Copa Petrobras de Marcas

Definição do título acontece neste domingo nos 3.695 metros do autódromo da capital paranaense. Disputa matemática está entre oito pilotos. Cinco fábricas estarão representadas na oitava rodada dupla, que tem duas novidades no grid.



Neste sábado pela manhã os motores começam a roncar forte no Autódromo de Curitiba. Junto com o giro dos propulsores também sobe o número de batimentos cardíacos dos oito pilotos com chances matemáticas de conquistar o título da Copa Petrobras de Marcas, que tem sua última e decisiva rodada dupla da temporada e define o campeão de 2013. Nesta segunda vez no ano em que a categoria corre na capital paranaense também será definido o título entre as fábricas. A Honda lidera com 464 pontos seguida pela Toyota, com 437. O terceiro lugar é da Ford (266), Chevrolet (250) e Mitsubishi (158).

Entre os pilotos a liderança é do atual campeão Ricardo Maurício (Honda Civic), que tem 184 pontos e é seguido de perto pelo Toyota Corolla XRS do ex-Fórmula 1 Ricardo Zonta, que tem 167. O terceiro posto está nas mãos de Denis Navarro (Toyota Corolla XRS), com 158; Alceu Feldmann (Honda Civic) vem a seguir com 157, Felipe Gama, vencedor das duas últimas corridas realizadas em Cascavel, tem 155. Galid Osman (Toyota Corolla XRS), com 151 pontos, Vitor Meira (Ford Focus), com 146 e Vicente Orige (Honda Civic), com 115 completam a lista dos oito que se mantêm na briga.

Dos que lutam pelo título, somente Alceu Feldmann não venceu corrida neste ano. Ricardo Maurício ganhou três (Interlagos, Curitiba e Tarumã), Ricardo Zonta duas (ambas na segunda em Interlagos), Denis Navarro uma (segunda em Brasília), Felipe Gama três (Tarumã e duas em Cascavel), Galid Osman duas (ambas na primeira em Brasília), Vitor Meira uma (na primeira em Curitiba), e Vicente Orige uma, na segunda em Brasília. O único vencedor fora da luta é Leandro Romera, que terminou em primeiro na abertura da temporada em Interlagos.

Nesta etapa decisiva em Curitiba a pontuação será dobrada nas duas corridas marcadas para domingo às 9h05 e às 12h45. Assim, em vez dos 25 pontos por vitória em cada prova, serão 50, num total de 100 pontos. E as novidades ficam por conta do reaparecimento de André Bragantini, agora com o Chevrolet Cruze da Carlos Alves Competições. Ele terá ao lado o experiente José Cordova, também de Chevrolet Cruze. Outro nome com experiência em categorias nacionais é Wellington Justino, que será parceiro de Denis Navarro no cockpit do Toyota Corolla XRS.

Junto com a Copa Petrobras de Marcas estará, assim como em toda a temporada, a Fórmula 3 Sul-americana, que já tem Felipe Guimarães definido como campeão de 2013. Ele venceu 12 das 16 corridas de 2013, fez um segundo lugar, justamente na conquista do título, em Cascavel, e abandonou três vezes.

Na Fórmula 3 Sul-americana Light a disputa ainda continua. O argentino Bruno Etman lidera com 242 pontos com o brasileiro Artur Fortunato em segundo com 214 pontos. Com 40 pontos em disputa, Etman necessita marcar 12 para assegurar o título. Se ele atingir 254 pontos e Fortunato vencer as duas, terminariam empatados, mas o argentino levantaria o troféu por ter maior número de vitórias. Ele manteria as nove e o brasileiro de 16 anos chegaria a cinco. Esse é o primeiro critério para desempate.

Os treinos começam neste sábado às 8h40 com as duas categorias se revezando na pista, cada uma com direito a duas entradas nos 3.695 metros para realizar acertos nos carros. Às 14h20 será definido o grid da nona rodada dupla da Fórmula 3 Sul-americana, que tem a primeira corrida neste sábado mesmo às 16h55. Antes, às 16h10, será conhecida a ordem de largada da prova de abertura da Copa Petrobras de Marcas.

Ambas as categorias têm a inversão do grid na segunda corrida. Na F3 a ordem dos seis primeiros sofre inversão e na Copa Petrobras é entre os oito que terminarem na frente no domingo cedo. Assim, o oitavo larga na pole, o sétimo em segundo, o sexto em terceiro, o quinto em quarto, o quarto em quinto o terceiro em sexto, o segundo em sétimo e o vencedor no oitavo posto.

Mais informações no site www.brasileirodemarcas.com.br


Texto: Vicar Brasil
Foto: Bruno Terena - Vicar

Nenhum comentário:

Postar um comentário