sábado, 28 de setembro de 2013

DTM: Augusto Farfus larga na primeira fila em etapa decisiva no circuito de Zandvoort

Destaque durante todo o sábado, brasileiro ficou a menos de 0s1 do tempo do pole Marco Wittmann e parte em segundo na nona etapa da temporada. Mike Rockenfeller, seu grande adversário na briga pelo título, começa a corrida na terceira posição.



Em dia da BMW, Augusto Farfus completou a dobradinha da montadora bávara na sessão classificatória da nona etapa do DTM, em Zandvoort, e conquistou a segunda colocação no grid de largada no circuito holandês, neste sábado (28). O brasileiro do Team RBM foi um dos destaques ao longo do dia e sempre esteve entre os mais rápidos. Pela sétima vez em nove corridas, Augusto se classificou entre os quatro primeiros, provando o quanto é forte em ritmo de classificação. No Q4, o postulante ao título da temporada cravou 1min30s979 e, por menos de 0s1, não conseguiu superar o jovem Marco Wittmann, também da BWM, que vai largar na pole-position pela primeira vez na categoria. Grande adversário de Farfus na briga pela taça, Mike Rockenfeller esteve o tempo todo próximo ao brasileiro, e assim será no grid de largada neste domingo. O alemão do Audi Sport Team Phoenix parte da terceira posição em Zandvoort.

Extremamente motivado e disposto a ir ao limite para levar a decisão do título para a última etapa da temporada, em 20 de outubro no circuito de Hockenheim, Farfus começou o sábado acelerando bem mais que Rockenfeller. Pela manhã, o brasileiro liderou a única sessão de treinos livres, com duração de 90 minutos, e despontou como grande favorito à conquista da pole-position, no período da tarde.

Desde o começo da classificação, a atração era o duelo entre Rockenfeller e Farfus. Lado a lado, a transmissão oficial do DTM mostrava o tempo dos dois, que foram à pista quase ao mesmo momento no início do Q1. E nesta fase, o brasileiro levou a melhor sobre o piloto da Audi e cravou a melhor volta do segmento que abriu a definição do grid de largada, indicando que o BMW M3 DTM tinha certa superioridade sobre seu oponente. Com 1min31s467, Augusto colocou o carro #7 na frente, enquanto 'Rocky' foi o quarto colocado.

Logo na abertura do Q2, Augusto mostrou o quanto estava forte em Zandvoort. Com 1min30s951, o brasileiro ocupou a liderança durante praticamente todo o segundo segmento da classificação, cavando assim seu lugar no Q3. Mas o rival Rockenfeller não teve a mesma tranquilidade. O líder do campeonato chegou a estar fora da zona de classificação para a terceira fase da sessão, mas, nos minutos finais, conseguiu uma volta salvadora e assegurou a quinta melhor marca, garantindo sua permanência na luta pela pole.

Mas já no fim do Q2, a Audi deu uma prova de que estava igualmente forte na Holanda. Isso porque Edoardo Mortara, que venceu a corrida no ano passado, cravou ótima volta e conseguiu assumir a ponta com o tempo de 1min30s919. Augusto também foi superado por Wittmann e fechou a segunda parte da classificação em terceiro. Rockenfeller acabou ficando em oitavo.

Logo que o começo do Q3 foi autorizado, os pilotos foram em busca dos melhores tempos e da consequente passagem para a fase final da classificação. Farfus, porém, deu apenas uma volta, mas não registrou marca, retornando para os boxes em seguida para que o Team RBM fizesse alguns ajustes no acerto do seu carro. Quando o brasileiro foi à pista novamente, restavam pouco mais de três minutos para o encerramento da terceira fase da sessão. Comprovando a ótima forma no circuito holandês, Augusto anotou 1min31s123, assumiu a primeira posição e garantiu sua ida ao Q4 pela sétima vez em nove corridas em 2013.

Obedecendo a ordem inversa aos classificados para a fase final da classificação, Rockenfeller foi o primeiro piloto a ir à pista no Q4. O candidato ao título anotou 1min31s325, um tempo longe do ideal para quem estava em busca da pole. Em seguida, foi a vez de Wittmann acelerar sua BMW M3 DTM em Zandvoort. O jovem da montadora bávara registrou um belíssimo tempo: 1min30s894, assumindo a pole provisória. Restavam ainda as voltas de Timo Scheider e Farfus para o encerramento da classificação. Contudo, o veterano da Audi marcou volta ainda pior que a de Rockenfeller.

Faltava apenas Augusto que, levando em conta o bom desempenho ao longo deste sábado, pintava como grande favorito à pole. O brasileiro conseguiu fazer uma bela volta, cravou 1min30s979, mas, por muito pouco, não conseguiu superar a grande marca de Wittmann, que vai largar na posição de honra do grid do DTM pela primeira vez na carreira. Farfus fecha a primeira fila e partirá numa boa colocação para a nona e penúltima etapa da temporada, onde tentará de tudo para levar a decisão para Hockenheim. A corrida em Zandvoort está marcada para domingo, às 8h30 (horário de Brasília), e terá transmissão ao vivo do canal por assinatura BandSports.

Augusto Farfus:

"Foi uma boa tomada de tempos. O objetivo era, antes de tudo, classificar à frente do Mike. A gente fez um carro super competitivo durante toda a classificação, então amanhã é torcer para termos uma boa largada e um ritmo de corrida forte para tentarmos chegar na frente dele e ver o que o resultado nos vai trazer. A estratégia certamente será fundamental. A Audi também vem muito forte, mas temos tudo para fazer um grande trabalho. Então o objetivo nosso é fazer uma boa largada e colocar o máximo de pressão nele."

Confira o grid de largada em Zandvoort:

1) Marco Wittmann - MTEK BMW - 1'30"894
2) Augusto Farfus - RBM BMW - 1'30"979
3) Mike Rockenfeller - Phoenix Audi - 1'31"325
4) Timo Scheider - Abt Audi - 1'32"524
5) Joey Hand - RBM BMW - 1'31"439 - Q3
6) Filipe Albuquerque - Rosberg Audi - 1'31"443 - Q3
7) Edoardo Mortara - Rosberg Audi - 1'31"460 - Q3
8) Timo Glock - MTEK BMW - 1'31"614 - Q3
9) Adrien Tambay - Abt Audi - 1'31"621 - Q3
10) Miguel Molina - Phoenix Audi - 1'32"106 - Q3
11) Mattias Ekstrom - Abt Audi - 1'31"382 - Q2
12) Gary Paffett - HWA Mercedes - 1'31"414 - Q2
13) Dirk Werner - Schnitzer BMW - 1'31"442 - Q2
14) Pascal Wehrlein - Mucke Mercedes - 1'31"445 - Q2
15) Andy Priaulx - RMG BMW - 1'31"539 - Q2
16) Christian Vietoris - HWA Mercedes - 1'32"055 - Q1
17) Jamie Green - Abt Audi - 1'32"067 - Q1
18) Bruno Spengler - Schnitzer BMW - 1'31"546 - Q2 *
19) Martin Tomczyk - RMG BMW - 1'32"088 - Q1
20) Daniel Juncadella - Mucke Mercedes - 1'32"145 - Q1
21) Robert Wickens - HWA Mercedes - 1'32"241 - Q1
22) Roberto Merhi - HWA Mercedes - 1'32"357 - Q1

* Punido com a perda de duas posições no grid de largada


Texto: EverSports
Foto: DTM

Nenhum comentário:

Postar um comentário