quarta-feira, 14 de agosto de 2013

FIA GT: BMW Sports Trophy Team Brasil aposta em evolução constante para a disputa na Eslováquia

Depois dos bons resultados na Holanda, equipe está otimista para 4ª etapa. Traçado do autódromo Slovakia Ring pode favorecer os modelos BMW Z4 da equipe brasileira. Os treinos começam no sábado (17).


Após seis corridas, os representantes do BMW Sports Trophy Team Brasil estão cada vez mais entrosados e isso se comprovou durante a última etapa, realizada no início de julho em Zandvoort, na Holanda. Nas duas corridas em solo holandês, o time brasileiro colocou suas duas duplas no top-5 da categoria Pro-Cup. Por isso, as expectativas para a 4ª etapa da temporada 2013 da FIA GT Series, que acontece nos dias 17 e 18 de agosto na Eslováquia, são muito boas. A equipe quer manter o nível já alcançado e continuar evoluindo, para conquistar o objetivo de subir ao pódio. O canal SporTV transmite ao vivo as duas provas do domingo, sendo a Corrida Classificatória às 5h15 e a Corrida Principal, a partir das 9h15, ambas pelo horário de Brasília.

Desta vez, o desafio da equipe brasileira será no circuito Slovakia Ring, no autódromo localizado em Orechová Ponton, região sudoeste da Eslováquia. É uma pista relativamente nova na Europa, construída entre 2008 e 2009. Os 5,922 km do traçado animam os pilotos do BMW Sports Trophy Team Brasil. Isso porque, o desenho da pista, com mais curvas de média e alta velocidades, podem ser mais favoráveis ao modelo BMW Z4, como ressalta o piloto Cacá Bueno: "Me parece que a pista tem um desenho com algumas retas longas, que desfavorecem um pouco para gente, mas em compensação tem curvas bem rápidas, o que seria um ponto a favor", observou.

Bueno, que corre ao lado de Allam Khodair a bordo do BMW Z4 #0, destacou o bom desempenho do time, especialmente depois da etapa da Holanda. E revelou que o objetivo é seguir com esse crescimento.

"Espero que nossa evolução continue. A equipe já chegou num grande nível, os pits stops também melhoraram e foram de acordo com o que a gente tem que apresentar, em um padrão muito bom. Acho que tem sempre uma coisa ou outra para melhorar, mas são detalhes. Na Eslováquia, a gente tem tudo para mostrar isso outra vez. Eu ainda não diria que vamos brigar por vitórias, mas acho que podemos de novo andar entre os cinco primeiros. Subir ao pódio é uma meta real dentro da evolução que a gente vem tendo", analisou o carioca.

O paulista Allam Khodair faz coro das palavras do companheiro e também aposta na continuidade do trabalho que vem sendo feito. "Para esta etapa, a expectativa é de continuar melhorando. Espero que possamos dar mais um passo para buscar um pódio. E é com esse pensamento que vamos seguir até o fim", disse o piloto que ocupa a sexta posição na tabela de classificação, com 28 pontos.

O clima também é de confiança e otimismo entre os pilotos da dupla do BMW Z4 #21. Sérgio Jimenez acredita que o acerto encontrado em Zandvoort irá contribuir para os resultados na Eslováquia.

"Nós do carro # 21 achamos uma linha de trabalho bem interessante na Holanda, e vamos apostar nela para sair andando na Eslováquia. Tudo indica que vai funcionar, e assim sendo, já começamos no caminho certo, o que facilita todo o trabalho do final de semana, já que essa etapa vai ser mais curta, sem treinos na sexta-feira. Não conheço o circuito, mas ao que parece, é uma pista mais favorável para a BMW, pois tem muitas curvas de alta, sem muitas curvas de baixa. Mas, claro que não é um circuito onde só nós poderemos ter vantagem. Na verdade, nos aproximaremos mais dos outros carros. E é o que esperamos para buscar um bom resultado", observou o paulista de Piedade.

Para o paranaense Ricardo Zonta, companheiro de Jimenez na máquina #21, a etapa da Eslováquia pode ser positiva para todo o time, justamente pelas características da pista. "Esse é um circuito que não conheço. Mas, pelo desenho do traçado que vi e pelo que conversamos com os engenheiros, acredito que seja uma pista um pouco melhor do que a última que disputamos, na Holanda, por ter várias curvas de média e alta velocidade", considerou o ex-piloto de F-1, que está no 11º lugar na Pro-Cup, com 17 pontos.

A programação da 4ª etapa começa no sábado com a realização de dois treinos livres e a tomada de tempos para a definição do grid da corrida classificatória. No domingo, serão realizadas as duas provas do final de semana. Vale lembrar que o resultado da Corrida Classificatória define a ordem de largada da Corrida Principal.

Confira os horários da 4ª etapa da FIA GT Series na Eslováquia (horários de Brasília):

Sábado, dia 17 de agosto
4h45 às 6h05 - Treino Livre 1
7h05 às 8h25 - Treino Livre 2
11h15 às 12h15 - Treino Classificatório (definição do grid Corrida Classificatória)

Domingo, dia 18 de agosto
3h45 às 4h05 - Warm up
5h15 às 6h15 - Corrida Classificatória
9h15 às 10h15 - Corrida Principal

Classificação do Campeonato (Categoria Pro-Cup) - após três etapas (seis corridas):
1. S.Ortelli/L.Vanthoor (Belgian Audi Club Team WRT Audi R8 LMS), 70
2. F.Stippler/E.Sandstrom (Belgian Audi Club Team WRT Audi R8 LMS), 60
3. M. Buhk / A.Day (HTP Gravity Charouz / Mercedes SLS AMG GT3), 53
4. R.Rast/Mayr-Melnhof (Team WRT Audi R8 LMS), 35
5. Kox/Rosina (Blancpain Reiter Lamborghini LP560-4), 32
6. C. Bueno / A. Khodair (BMW Sports Trophy Team Brasil / BMW Z4), 28
7. A.Zuber/M.Parisy (Sebastien Loeb Racing McLaren MP4-12C), 26
8. A. Kumpen / E. Ide (Phoenix Racing / Audi R8 LMS), 24
9. K. Chandhok / J. Seyffarth (SMS Seyffarth Motorsport / Mercedes SLS AMG GT3), 23
10. S. Loeb /A. Parente (Sebastien Loeb Racing / McLaren MP4-12C), 22
11. R. Zonta / S. Jimenez (BMW Sports Trophy Team Brasil / BMW Z4), 17
12. D. Keilwitz / N. Kentenich (Doerr Motorsport /McLaren MP4 12-C), 1


Texto: FG Com
Foto: Tijem Photo Agency

Nenhum comentário:

Postar um comentário