domingo, 2 de junho de 2013

Guilherme Salas faz boa estreia e termina em oitavo no Brasileiro de Turismo

Jundiaiense largou da 11ª posição e chagou a ocupar o quinto posto.


Foi uma boa estreia para o piloto Guilherme Salas no Campeonato Brasileiro de Turismo, categoria de acesso à Stock Car que teve a primeira etapa realizada em Brasília neste domingo.
 A tomada de tempos que seria realizada na tarde de sábado (1) foi adiada para a manhã deste domingo em função de problemas em tampas de bueiros do sistema de drenagem, que são localizadas em áreas onde os carros passam e estavam soltando-se e oferecendo risco aos pilotos.

 Na manhã de domingo, às 7h30, foi então realizado o treino classificatório, e Salas manteve-se por um bom tempo entre os seis primeiros. Ao final do treino, quando todos os pilotos baixavam os tempos de voltas, o piloto vinha para fechar uma passagem que lhe daria o quinto ou sexto lugar no grid quando o treino foi encerrado com bandeira vermelha em função de uma batida, deixando o piloto apenas com o 11º tempo.

 O jundiaiense foi então para uma corrida de recuperação. Após uma boa largada um acidente logo na Curva 1 fez com que perdesse posições. Salas forçou o ritmo nas voltas seguintes para recuperar-se, e chegou a ocupar a quinta colocação após boas ultrapassagens e algumas quebras de carros à frente.
 Mas o ritmo forte cobrou seu preço. Com pneus desgastados, o piloto não conseguiu impedir os ataques dos pilotos que vinham logo atrás e caiu novamente para oitavo. Nas voltas finais subiu novamente para sexto, mas na penúltima curva, com problemas nos freios, acabou rodando e finalizando a prova em oitavo.

“O resultado foi bom, mas poderia ter sido melhor, esperava um quarto ou quinto lugares” disse Salas, que elogiou a categoria: “A categoria é muito boa, está dentro do evento da Stock Car, o carro é bom, o motor bem forte, tem tudo para ser um sucesso. Agora já conheço melhor o carro e vamos buscar um resultado ainda melhor em Cascavel”.

Para Carlos Castrale, chefe de equipe da Racequip Motorsports, o resultado foi muito bom em função de tudo o que aconteceu no final de semana: “A pista teve problemas, tivemos menos tempo de treino, e o Guilherme ainda está se adaptando ao carro. Tudo isso nos mostra que o resultado foi muito bom, poderíamos ter chegado em sexto se não fossem os problemas no final. Mas está muito bom, o Guilherme tem muito potencial e está mostrando isso. Nosso objetivo era fazer uma boa corrida, completá-la e somar pontos no campeonato, e ele foi atingido”.

Três emissoras mostrarão a corrida de abertura do Brasileiro de Turismo no próximo domingo, dia 9. A Rede TV leva ao ar às 13 horas. A Play TV (cabo) mostra a prova às 14 horas e a All TV (internet) às 15 horas.

 Veja o resultado final da prova:
 1) Felipe Fraga (W2 Racing), 36min46s380, média de 166,70 km/h
 2) Gabriel Casagrande (Carlos Alves Competições), a 5s709
 3) Pedro Boesel (Hot Car Racing), a 25s037
 4) Raphael Abbate (Carlos Alves Competições), a 38s790
 5) Felipe Tozzo (Nascar Motorsport), a 45s685
 6) Mauri Zaccarelli (Hot Car Racing), a 1min01s450
 7) Norberto Gresse (Nascar Motorsport), a 1min13s304
8) Guilherme Salas (Racequip Competições), a 1min22s342
 9) Fernando Fortes (J.Star Racing), a 1 volta
 10) Luiz Ribeiro (Mottin Racing), a 1 volta
 11) Guilherme Figueiroa (Scuderia 111), a 1 volta
 12) Marcelo Hahn (Carlos Alves/J.Star), a 2 voltas
 13) Tito Morestoni (Motortech Competições), a 3 voltas
 14) Leandro Romera (J.Star Racing), a 17 voltas
 15) Fábio Carreira (W2 Racing), a 20 voltas
 16) Marco Cozzi (Carlos Alves/J.Star), a 29 voltas
 17) João Pretto (Mottin Racing), a 34 voltas

Texto: MOTORBIZ Marketing Esportivo
Foto: André Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário