domingo, 23 de junho de 2013

Copa Minas Rio de Marcas teve vitórias de GM e VW na segunda rodada

Flávio Costa (VW) venceu na terceira etapa e Fabiano Cardoso (GM) ganhou a quarta.

Neste domingo (23), no autódromo Mega Space, em Santa Luzia (MG), foi encerrada a segunda rodada da Copa Minas Rio de Marcas e Pilotos. A competição, iniciada ainda no mês de abril, teve hoje a sua terceira e quarta etapas e contou com a participação de 14 carros das marcas.

Depois dos treinos livres e a tomada de tempos hoje o dia de hoje foi completamente dedicado às duas baterias. A expectativa do público e de todos os presentes girava em torno da primeira pole-position de um veículo GM-Celta, que tomou o lugar que até então somente havia sido ocupado pelos modelos VW-Gol.

A primeira corrida foi autorizada no final da manhã e, no comendo do carro da pole-position estava Eduardo Gontijo. Após uma boa largada o piloto manteve-se na primeira posição, porém, muito pressionado. Ainda nesta primeira volta um problema mecânico impediu que o carro #11, pilotado por Gustavo Mascarenhas, conseguisse largar. Alguns toques aconteceram ainda nesta primeira volta que foi finalizada com a presença do Safety Car. Três voltas mais tarde, já com a pista limpa, a relargada foi autorizada. Gontijo seguiu na ponta, porém, muito pressionado por Flávio Costa que acabou conseguindo a ultrapassagem. Gontijo seguiu muito pressionado e perdeu mais duas posições caindo para o quarto lugar, atrás dos irmãos Wanderson e Leandro Freitas. Pouco a pouco Wanderson foi tirando sua diferença para Costa até que, nas três últimas voltas, colocou muita pressão sobre os concorrentes, mas, Flávio conseguiu se manter na ponta até receber a bandeirada da vitória.

Wanderson chegou em segundo e Leandro, em terceiro. Pela categoria Light a primeira posição ficou com Fernando Starling seguido por Lucca Paulinelli e Bruno Violante.

Cerca de duas horas após o término da primeira corrida os carros tomaram o traçado para a segunda prova do dia, válida pela quarta etapa do Campeonato. O grid de largada foi determinado pelo resultado final da corrida anterior sendo que, os seis primeiros colocados foram invertidos. Partindo do terceiro posto o gaúcho Fabiano Cardoso foi o nome desta prova. Depois de uma boa largada o piloto, a bordo de seu GM Celta, conseguiu assumir a primeira posição ainda na primeira volta.

Depois disso, aproveitando-se do momento em que seus concorrentes diretos tentavam abrir caminho entre os mais lentos o piloto passou a abrir vantagem liderança. Wanderson Freitas, que havia largado da segunda posição, demorou cinco voltas para chegar ao segundo posto, mas, neste momento, o líder já havia aberto uma vantagem de segurança que lhe permitiu seguir sem ameaças até a bandeirada da vitória. Wanderson chegou em segundo. A maior briga da prova foi pela terceira posição entre Leandro Freitas e Flávio Costa. Ambos passaram juntos as últimas dez voltas com Flávio tentando a ultrapassagem em todos os pontos do circuito. Na última curva da corrida, Flávio colocou lado a lado com Leandro e passou na terceira posição pela ínfima diferença de três milésimos. Na Light, vitória de Tiago Tambasco, também de Celta, com Bruno Violante em segundo e Fernando Starling, em terceiro.

Fabiano Cardoso, piloto vencedor e diretor técnico da equipe Líder BH, comentou a vitória. "Foi um momento muito especial para nós. Temos um time vencedor em São Paulo e viemos aqui para BH para brigar com os Gols, que sempre dominaram por aqui. Nosso principal desafio foi encontrar uma relação ideal para o câmbio que, para esta pista, tem uma diferença muito grande. O restante do acerto do carro foi baseado em alterações normais de suspensão como caster, câmber, amortecedores e molas. Fizemos a pole nas duas categorias e vencemos, também nas duas, nesta quarta etapa. Os celta chegaram, realmente, para ficar", comentou.

Confira abaixo o resultado completo das duas provas:
3ª Etapa
1) Flávio Costa, VW Gol (Super), 15 voltas
2) Wanderson Freitas, VW Gol (Super)
3) Leandro Freitas, VW Gol (Super)
4) Eduardo Gontijo / F. Cardoso, GM Celta (Super)
5) Mauro Neuenschwander, VW Gol (Super)
6) Ivan Mendes, GM Celta (Super)
7) Fernando Starling, VW Gol (Light)
8) Lucca Paulinelli, VW Gol (Light)
9) Paulo Pena, VW Gol (Light)
10) Thiago Tambasco, GM Corsa (Light)
11) Wilton Pena, VW Gol (Super)
12) Gustavo Mascarenhas / H. Cimini Jr. , VW Gol (Super)
13) José Maurício, VW Gol (Light)

DQ) Bruno Violante, VW Gol (Light) - Desclassificado por atitude antidesportiva
4ª Etapa
1) Eduardo Gontijo / F. Cardoso, GM Celta (Super), 16 voltas
2) Wanderson Freitas, VW Gol (Super)
3) Flávio Costa, VW Gol (Super)s
4) Leandro Freitas, VW Gol (Super)
5) Gustavo Mascarenhas / H. Cimini Jr. , VW Gol (Super)
6) Mauro Neuenschwander, VW Gol (Super)
7) Thiago Tambasco, GM Corsa (Light)
8) Bruno Violante, VW Gol (Light)
9) Fernando Starling, VW Gol (Light)
10) Ivan Mendes, GM Celta (Super)
11) Lucca Paulinelli, VW Gol (Light)
12) Wilton Pena, VW Gol (Super)
13) Paulo Pena, VW Gol (Light)

A Copa Minas-Rio de Marcas e Pilotos é uma promoção da Federação Mineira de Automobilismo e da Federação de Automobilismo do Estado do Rio de Janeiro. Organização: Automóvel Clube de Belo Horizonte. Apoio: Líder BH - Chevrolet é Aqui, Rodas Ferraro, MDS Disco de Freio, Marshal Pneus e Fuel Tech.

Texto: Quick Comunicação
Foto: Flávio Quick

Nenhum comentário:

Postar um comentário