quinta-feira, 30 de maio de 2013

Brasileiro de Turismo começa com muitos carros e bons pilotos

Estreia da categoria formadora de pilotos para a Stock Car será neste domingo às 9h10 com grid de 18 confirmados. Carro tem belo e moderno visual. Nesta sexta-feira das 15h45 às 16h45 acontece treino extra em Brasília.


Nesta sexta-feira, a partir das 15h45 os motores dos carros do Campeonato Brasileiro de Turismo roncam forte pela primeira vez num treinamento oficial. A categoria de formação de pilotos para a Stock Car terá 18 carros logo em sua estreia e deve aumentar na segunda corrida, programada para dia 16 de junho em Cascavel, Paraná, onde também corre junto com a Stock Car. Nesta quinta-feira as equipes descarregaram os carros das carretas e montaram os boxes na Capital Federal. Está tudo pronto para a grande festa marcada para este domingo às 9h10 no Autódromo de Brasília. A Play TV transmite a corrida a partir das 14 horas.

O carro do Campeonato Brasileiro de Turismo foi projetado especialmente para a categoria de formação de pilotos. A exemplo do Stock Car, o motor é dianteiro V8, só que com 350 cavalos de potência (5.700 rpm e 5,7 litros), tração traseira, cerca de 1280 quilos de peso e é movido a etanol V-Power da Shell. Os propulsores da Stock Car têm 550 HP. Os pneus são da Pirelli, feitos exclusivamente para a categoria. O sistema de freios apresenta discos ventilados da Fremax, com seis pistões nas rodas dianteiras e dois nas traseiras, além de pastilhas da Ecopads isentas de amianto. O câmbio sequencial tem cinco marchas para frente e uma à ré.

O tanque de combustível é especial para competição, composto por um recipiente de borracha preenchido com espuma de baixa densidade envolto por contêiner de alumínio com válvulas de segurança para o caso de capotagem. O reservatório tem capacidade para 75 litros. A estrutura do carro do Campeonato Brasileiro de Turismo é feita com tubos da molibdênio com paredes mais espessas do que os utilizados na Stock Car para garantir a segurança dos pilotos que se preparam para a principal categoria do automobilismo nacional.

Na confecção dos carros também são utilizadas chapas de alumínio e tinta antichama. Na parte dianteira, na traseira e nas duas laterais, o bólido do Campeonato Brasileiro de Turismo possui absorvedores de impacto. Como a preocupação com a segurança foi muito grande desde os primeiros projetos a JL Racing, empresa do ex-campeão da Stock Car Zeca Giaffone, instalou bancos similares aos construídos especialmente para a Stock Car e que superam as exigências máximas da FIA (Federação Internacional do Automóvel). Esses assentos são conhecidos como superbancos.

Entre os nomes mais conhecidos, pilotos que já passaram pela Stock Car, como Pedro Boesel, Fábio Carreira e Norberto Gresse. Leandro Romera, Tito Morestoni, Felipe Tozzo, João Preto, Fernando Fortes, Felipe Fraga, Marco Cozzi, Raphael Abatte, Gabriel Casagrande, Mauri Zaccarelli, Luis Sérgio Sena Jr., Guilherme Salas, Luiz Carlos Ribeiro, Guilherme Figueiroa e Marcelo Hahn também estão confirmados.

As escuderias desta etapa de abertura: Hot Car Racing, Motortech Competições, Racequip, Nascar Motorsport, Mottin Racing, W2 Racing, J. Star Racing, Carlos Alves Competições, e Scuderia 111.

Calendário do Campeonato Brasileiro de Turismo:

2 de junho - Brasília - DF
16 de junho - Cascavel - PR
11 de agosto - Ribeirão Preto - SP
1º de setembro - Brasília - DF
15 de setembro - Velopark - RS
20 de outubro - Curitiba - PR
10 de novembro - Goiânia - GO (alternativa)
15 de dezembro - Interlagos - SP

O Campeonato Brasileiro de Turismo tem patrocínio da Shell-VPower com recursos da Lei Federal de Incentivo ao Esporte e da Pirelli. O campeonato é um evento da CBA, organizado em parceria com a Vicar e a Marques & Marques.

Texto: Vicar Brasil
Foto: Duda Bairros - Vicar

Nenhum comentário:

Postar um comentário